Postagens

Mostrando postagens de Outubro 6, 2011

Proposta prevê cobertura para ações trabalhistas no seguro garantia

A proposta apresentada pela Susep visando a alterar normas para o seguro garantia – em audiência pública até o dia 26 de outubro – prevê, no caso dos contratos envolvendo construções, fornecimento ou prestação de serviços, a oferta de cobertura adicional de ações trabalhistas e previdenciárias.De acordo com o texto, essa cobertura tem por objeto garantir exclusivamente ao segurado, o reembolso dos prejuízos comprovadamente sofridos em relação às obrigações de natureza Trabalhista e Previdenciária de responsabilidade do tomador oriundas do Contrato Principal. Isso ocorrerá quando houver condenação judicial do tomador ao pagamento e o segurado seja condenado subsidiariamente e que os valores tenham sido pagos por este, em decorrência de sentença condenatória transitada em julgado, bem como do trânsito em julgado dos cálculos homologados ou ainda nas hipóteses de acordo entre as partes com prévia anuência da seguradora e conseqüente homologação do Poder Judiciário.
No que diz r…

Vai contratar plano de saúde? Associação mostra o que observar

A contratação de um plano de saúde requer muito mais do que uma simples pesquisa de preços. Segundo levantamento realizado pela Proteste – Associação de Consumidores, quem vai adquirir esse tipo de seguro precisa redobrar os cuidados e se atentar aos mínimos detalhes. Buscar informações e ler todo o contrato, por exemplo, são essenciais. Neste sentido, ressalta a Proteste, os itens cobertura e exclusão são os mais importantes, já que eles detalham quais procedimentos o usuário terá direito de usufruir. Ainda sobre o assunto, lembra a entidade, vale observar a Lei dos Planos de Saúde, que descreve quais são os procedimentos obrigatórios que devem ser oferecidos pelas operadoras. Outros cuidados Ainda conforme a Proteste, fique de olho se há exigência de exame médico para adesão antes da contratação. Segundo a entidade, não é necessário passar por qualquer tipo de consulta ou exame de adesão para ser aceito no plano. Entretanto, pessoas com 59 anos ou mais podem ter de realiza…

Seguros de pessoas crescem 24,1%

O mercado de seguros voltados para pessoas, que engloba seguros prestamistas (proteção contra inadimplência), educacionais, vida individual e em grupo, entre outros, acumulou R$ 9,3 bilhões em prêmios no primeiro semestre. O resultado é 24,1% superior ao registrado em igual período do ano anterior, segundo dados da Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (Fenaprevi). O seguro viagem foi o destaque no semestre, com crescimento de 42,29% e prêmios de R$ 19,3 milhões.[2] Outros destaques foram os seguros de acidentes pessoais (https://wwws.portoseguro.com.br/vendamultiproduto/novocalculo.do?codigoEmpresa=4&codigoProduto=2&parceiro=&susep=2301WF) e proteção financeira. Os primeiros tiveram alta de 39,3% no período e acumularam R$ 1,9 bilhão. Já o seguro de proteção financeira, que garante o pagamento de prestações de bens adquiridos pelo segurado em caso de morte e invalidez, acumulou R$ 2,1 bilhões em prêmios com evolução de 37,9%. O seguro de vida teve desem…

Funcionária de hotel faz seguro de R$ 12 milhões para seu traseiro

Imagem
Inglesa passa os dias deitada ou sentada em camas de hoteis para garantir que os hóspedes vão ter boas noites de sono. Graças ao "traseiro sensível", ela sabe dizer se a cama é maciaPor Época NEGÓCIOS Online

A inglesa Natalie Thomas, 39 anos, tem o emprego dos sonhos: ela testa a maciez das camas de uma rede de hoteis. E como seu traseiro "é muito sensível", ela ganhou até seguro milionário Que famosos como David Beckham, Keith Richards e Jennifer Lopez façam seguros milionárias de suas “partes mais importantes”, não é novidade. Mas seguindo no rastro de J.Lo, a inglesa Natalie Thomas colocou seu traseiro no seguro pela mera quantia de R$ 12 milhões. Natalie não é cantora e nem famosa como a outra, mas por ossos da profissão, ela precisa estar com seu traseiro em dia. Ela é funcionária da rede de hotéis econômicos Premier Inn e seu trabalho é “testar” as camas de várias unidades, em viagens pela Europa. Natalie testa cerca de 24 camas por dia. Em sua descr…

Internet é opção para registrar ocorrência de acidente sem vítima

As seguradoras de veículos irão aceitar a versão impressa do boletim de ocorrência registrado pela internet em casos de acidentes de trânsito sem vítimas. A novidade passou a funcionar ontem, no site da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, por meio da Delegacia Eletrônica da Polícia Civil. Com a mudança, o motorista está dispensado de comparecer a uma unidade da Polícia Militar para fazer o boletim de ocorrência. O Sindicato dos Corretores de Seguros do Estado de São Paulo (Sincor-SP) aprova a medida e acredita em maior agilidade em todo procedimento, "A mudança vai agilizar a vida do segurado, porque ele não vai mais precisar esperar nas delegacias. Ele economiza tempo e isso reflete nas seguradoras", afirmou o diretor regional da Sincor-SP em Sorocaba, Gilson Moraes. Moraes destaca que ainda é cedo para notar os resultados, mas para ele, a comodidade do segurado irá trazer benefícios. "A gente ainda não tem muitas informações, mas acredito…

ANS repassa R$ 76,1 milhões a Fundo Nacional de Saúde

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) anunciou ter feito o primeiro repasse direto ao Fundo Nacional de Saúde. Foram enviados ao Ministério da Saúde na última sexta-feira R$ 76,1 milhões, arrecadados a título de Ressarcimento ao SUS, das internações hospitalares nos últimos dois anos. Isso representa mais de 80% do que foi partilhado desde 2000, quando a Agência foi criada. Até fevereiro de 2009, a ANS já havia partilhado cerca de R$ 91,6 milhões, relativos à arrecadação ocorrida desde o início da cobrança do ressarcimento ao SUS, no ano de 2000. Com isso, fica evidente que, de 2010 em diante, houve expressivo aumento da arrecadação. Este incremento foi possível graças às mudanças gerenciais promovidas a partir de 2009. Além da desburocratização dos processos de trabalho, houve uma reorganização documental, a contratação de 89 servidores públicos temporários e melhorias nos sistemas de informação. Também contribuíram de forma decisiva para a obtenção do resultado o …

Senhor,

Imagem
Eu te peço o dom da humildade.

Eu não quero ser arrogante, não quero ser maior do que os meus irmãos.
Eu te peço o dom da humildade.

Quero me lembrar sempre de que sou pó ao pó haverei de voltar.
Eu te peço o dom da humildade.

Quero servir com amor sem esperar nada em troca.
Eu te peço o dom da humildade.

Quero viver cada dia lembrando-me de teus ensinamentos.
Eu te peço o dom da humildade.

Quero cuidar e permitir que cuidem de mim sem nenhuma arrogância.
Eu te peço o dom da humildade.

Quero ser um servidor.
Eu te peço o dom da humildade.

Amém.
Att.
Patricia Campos
Telefax: (31) 3463-2838 / Cel: (31) 9675-5477 E-mail: seguros@patriciacamposcorretora.com.br
Site: www.patriciacamposcorretora.com.br
*Seguro Garantia *Seguro de Vida *Plano de Saúde *Responsabilidade Civil *Equipamentos *Automóvel

DPVAT paga meio milhão em 5 meses

Em plena semana de combate a violência ao trânsito, o Procon (Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor) registra um acréscimo de mais de meio milhão de reais em resgates do DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre). Segundo o diretor do Procon, Luiz Carlos Alonso o relatório de abril apresentava cerca de R$ 1 milhão em resgates, no entanto, nos últimos três meses o número de acidentes aumentou consideravelmente, o que colaborou para que o período de abril até setembro contabilizasse pouco mais de R$ 500 mil em resgates do DPVAT.Uma curiosidade apontada por Alonso é que o perfil das pessoas envolvidas em acidentes mudou. “Sempre a maioria dos acidentes estavam relacionados a motociclistas. Esta estatística não mudou, cerca de 70% ainda são com motos, no entanto agora mais mulheres estão envolvidas, e sempre com motocicletas de baixa cilindrada”, explica. A faixa estaria de acordo com Alonso também assusta. A maior parte das entradas de…

STF irá decidir se aposentado que ainda trabalha pode ter recálculo do benefício

O STF (Supremo Tribunal Federal) irá decidir se os aposentados que ainda trabalham poderão ter direito à desaposentação. A desaposentação é um recurso que permite que o aposentado que ainda trabalha possa pedir um novo cálculo do benefício com a inclusão das contribuições trabalhistas referentes aos anos trabalhados após a aposentadoria. O assunto tem entrado e saído da pauta do STF durante a última semana de setembro. Segundo a especialista em direito previdenciário Silmara Londucci, há mais de 70 mil ações na Justiça requerendo a desaposentação e no mercado de trabalho há mais de 500 mil aposentados. Segundo o Supremo, se for reconhecido o direito ao recálculo dos benefícios, o impacto nas contas das Previdência poderá chegar a R$ 3 bilhões, de acordo com dados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Desaposentação O processo de desaposentação somente pode ser obtido por meio de ação judicial. Ao solicitar o recálculo, o aposentado não deixa de receber o benefício, que…

País tem recorde de acidentes aéreos

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) registrou 125 acidentes aéreos no País até o dia 30, volume que ultrapassou os 110 ocorridos em todo o ano de 2010. Trata-se de número recorde desde o início da série histórica, em 2001. O recorde anterior havia sido em 2009, com 113 acidentes. Nos números atuais ainda não estão computados os dois acidentes ocorridos no primeiro fim de semana de outubro, um deles no interior de São Paulo (com quarto mortos) e o outro em Curitiba, no Paraná. Os números não levam em conta os incidentes aeronáuticos, como pousos de emergência. Helicópteros Os acidentes com helicópteros, um meio de transporte que tem sido muito usado principalmente nas grandes cidades, crescem ano a ano. Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) recolhidos até o fim de julho, quando haviam sido registrados 89 dos 127 acidentes ocorridos até hoje, problemas com helicópteros representaram 18% do total, ou seja, dos 89 acidentes…