Postagens

Mostrando postagens de Abril 6, 2011

ANS reconhece legitimidade de paralisação dos médicos no dia 7 deste mês

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) reconhece a legitimidade da paralisação dos médicos que atendem planos de saúde, prevista para a próxima quinta-feira (7).De acordo com a Agência, existe uma heterogeneidade de comportamento das operadoras em relação à discussão de valores e reajustes dos honorários médicos, que são influenciados por fatores como localização geográfica, relação de oferta e demanda, capacidade de organização e poder de negociação das entidades representativas, além da percepção da importância da valorização e motivação do médico, entre outros.“Quanto ao movimento proposto pelas entidades representativas dos médicos, a ANS reconhece a legitimidade destas na defesa por melhores condições de remuneração dos seus profissionais. Contudo, destaca a necessidade de que esses movimentos não prejudiquem o atendimento à população”, disse, em nota, a ANS.ParalisaçãoPrevista para ocorrer na próxima quinta-feira (7), segundo a AMB (Associação Médica Brasileir…

Previdência privada: PL permite a beneficiários mudarem o regime tributário

Os beneficiários da previdência privada poderão escolher o regime de tributação de sua renda previdenciária no momento da obtenção do benefício ou da requisição do resgate dois valores acumulados no plano, conforme determina o Projeto de Lei do Senado 511/2007. Hoje, a escolha pelo regime de tributação deve ser feita no momento da contratação do plano.
A proposta, de autoria do senador Paulo Paim (PT-RS), também determina que os representantes legais podem escolher o regime, em casos como o falecimento do participante.

Outra novidade é a possibilidade de rever o regime de tributação, ou seja, a opção pelo regime não é definitiva.

Regimes

Em janeiro de 2005, entrou em vigor a Lei nº 11.053 de 2004, que determina que os participantes podem escolher o regime tributário que será aplicado quando receberem os benefícios da previdência privada ou resgatem as contribuições. A opção deve ser feita pelo regime progressivo ou regressivo de tributação.

No regime progressivo, a tributaçã…

Envelhecimento da população deve pressionar sistema previdenciário, diz Bird

O envelhecimento da população brasileira deve pressionar o sistema previdenciário, segundo revela o relatório “Envelhecendo em um Brasil Mais Velho”, divulgado nesta quarta-feira (6) pelo Bird (Banco Mundial).
De acordo com os números do documento, em 2005, os gastos do governo com previdência equivaliam a 10% do PIB (Produto Interno Bruto), percentual que deve chegar a 22,4% do PIB em 2050.

Caso as reformas ocorridas em 1999 e 2003 não tivessem sido feitas, diz o estudo, os gastos do governo com aposentadorias e pensões chegariam a 37% do PIB, devido apenas ao aumento do número de aposentados e pensionistas elegíveis, por conta do envelhecimento.

Saúde

Ainda conforme o Bird, a mudança no perfil da população brasileira – relativamente jovem para uma predominância idosa – também irá acarretar mudanças no sistema de saúde, havendo necessidade de adaptação para os perfis demográficos e epidemiológicos diferentes da crescente população em idade mais avançada no Brasil. Para se te…

Seja Feliz!

Você pode ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não se esqueça de que sua vida é a maior empresa do mundo.Só você pode evitar que ela vá à falência.Gostaria que você sempre se lembrasse de que ser feliz não é ter um céu sem tempestades, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções.Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza.Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos. Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Paz e Bem!Patricia Campos
Telefax: (31) 3463-2838 / Cel: (31) 9675-5477 E-mail: seguros@patriciacamposcorretora.com.br
Site: www.patriciacamposcorretora.com.br
*Seguro Garantia *Seguro de Vida *Plano de Saúde *Responsabilidade Civil …

Seguro educacional garante a mensalidade escolar dos filhos

Assegurar a educação dos filhos é, sem dúvida, um dos principais objetivos do planejamento familiar. Mas nem todos os pais conseguem acumular reserva financeira suficiente para custear a educação de seus filhos. Resultado: comprometem parte do orçamento mensal com o pagamento da mensalidade escolar e outras despesas relativas à educação dos filhos. A possibilidade de eventual escassez de recursos que possa impedir esse fluxo de pagamentos é uma preocupação legítima dos pais. Assim, é oportuno falarmos sobre um seguro que afaste esse risco. Funciona como uma espécie de bolsa de estudos e pode garantir, se assim contratado, o pagamento da mensalidade escolar até o final do curso. Quem pode contratar:Trata-se do seguro educacional, que auxilia pais e responsáveis no pagamento da mensalidade escolar diante de uma situação de desemprego, morte ou invalidez. O seguro pode ser contratado pelo próprio aluno, pelos pais ou, ainda, pela escola, mediante a negociação de uma apólice co…

Projeto de Lei em favor dos Corretores e Consumidores de Seguros

O empenho do SINCOR-SC na transformação do projeto em Lei
O deputado Jean Kuhlmann (DEM) apresentou na Assembléia Legislativa do Estado de Santa Catarina Projeto de Lei que visa tornar obrigatória a presença de um corretor de seguros ou seu representante nos estabelecimentos que operam com a venda de seguros. Leia a íntegra do projeto nesta página.

A proposição apresentada visa cumprir o que está estabelecido no art 122 do Decreto Lei nº 73, de 21 de novembro de 1966.

Em sua justificativa à proposta o Deputado esclareceu que muitos “estabelecimentos promovem vendas casadas, com produtos prémontados (engessados), impondo a compra pela força do poder econômico, ignorando a necessidade da presença deste profissional para orientar o consumidor, detalhando as coberturas, franquias, vigências, custos, assistências, sinistros, exclusões, condições gerais da apólice,esquecendo de aplicar o disposto no decreto supracitado, que estabelece o corretor de seguros, pessoa física ou juríd…

Porto Seguro anuncia operadora virtual de telefonia móvel

A Porto Seguro será a primeira empresa do País a atuar como operadora móvel virtual. O serviço também conhecido como Mobile Virtual Network Operator (MVNO), consiste na prestação de serviços de telefonia móvel a clientes e corretores da seguradora. - A companhia possui 8,5 milhões de itens segurados, dos quais 3,8 milhões são veículos. O lançamento está previsto para os próximos meses.
O serviço será prestado em parceria com a TIM e a Datora Telecom. Para cumprir as exigências da Agência Nacional de telecomunicações (Anatel), a seguradora criou outra companhia, a Porto Seguro Telecomunicações, em sociedade com a Chaicomm do Brasil Holding Ltda., controladora da Datora Telecom, que já atua no setor de telecomunicações. Segundo o vice-presidente executivo da Porto Seguro, Fabio Luchetti, ainda não é possível detalhar estratégia ou os produtos que serão oferecidos com a nova empresa. "A Porto Seguro Telecomunicações nasce contando com a experiência e estrutura, principal…

MP recebe denúncia contra 10 cooperativas que vendem 'seguro pirata'

O Sindicato das Seguradoras do Norte e Nordeste (N/NE), em parceria com o Sindicato dos Corretores e das Empresas Corretoras de Seguros de Pernambuco (Sincor-PE) e a Ordem dos Advogados do Brasil/PE, protocolou denúncia no Ministério Público Estadual de Pernambuco contra as ações irregulares de mais de dez empresas e cooperativas que comercializam os chamados programas de proteção veicular, também conhecidos como “seguro pirata”. O produto denominado “Programa de Proteção Veicular” em tudo se assemelha ao contrato de seguro, sem, contudo, deter esta natureza jurídica e por isto não estar regulado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep). De acordo com o presidente do Sindiseg N/NE, Mucio Novaes, apenas companhias seguradoras podem comercializar seguros de automóveis. Essas companhias dependem de autorização da Susep para funcionar, têm suas atividades minuciosamente controladas, especialmente em relação à constituição de reservas técnicas, solvência, balanços e cl…