Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2014

Seguro Garantia tem projeções positivas com incentivos

Imagem
Aumento dos limites de responsabilidade, regras mais flexíveis adotadas pela PGFN e Circular 477 criam condições mais favoráveis para o ramo no País
A combinação de três fatores poderá assegurar uma forte expansão da demanda do ramo garantia no País nos próximos anos. Além dos tetos maiores de responsabilidade assumida pelas seguradoras – projeto nesse sentido tramita no Congresso, elevando os limites de 10% para 30% dos valores das obras pelo Regime Diferenciado de Contratações (RDC)– também os efeitos da Circular Susep 477 passam a valer no próximo mês, sem falar nas novas normas mais amigáveis de aceitação dos seguros nas execuções fiscais lançadas pela Procuradoria Geral de Fazenda Nacional (PGFN).
Pelas contas da Austral Seguradora, uma das mais atuantes neste ramo, só a Portaria nº164 da PGFN poderá fazer o seguro garantia ter um volume inicial de prêmios de R$ 495 milhões, o que representa perto de 50% do mercado total anual em prêmios. “Por ser menos oneroso que outras modalidad…

Tokio Marine divulga novo seguro para clínicas e consultório em estande na Hospitalar 2014

Imagem
A Tokio Marine Seguradora participou da Feira e Fórum Hospitalar 2014, maior evento de saúde das Américas, que acontece de 21 a 23 de maio, no Expo Center Norte, em São Paulo. Em seu estande, a empresa apresenta o seguro Tokio Marine Clínicas e Consultórios, criado há três meses para proteger clínicas e consultórios médicos e odontológicos.
Assim, a Feira Hospitalar é uma excelente oportunidade de divulgar a marca da empresa e fazer contatos com empresários, administradores hospitalares, médicos e demais profissionais do setor, com o objetivo de facilitar o processo de venda para seus corretores de seguros e assessorias.
O novo produto faz parte do portfólio da carteira empresarial da companhia e disponibiliza opções de coberturas e de serviços de assistência 24 horas, focadas para atender clínicas e consultórios, dando flexibilidade para formatar uma solução que atenda a cada cliente.
De acordo com os técnicos da seguradora que estão apresentando o produto no estande, as coberturas pod…

Menos crimes e mais seguros com nova lei

Imagem
O deputado e presidente da Fenacor, Armando Vergilio (SD-GO), disse que a Lei do Desmonte, que regulariza a atividade de desmontagem de veículos e permite a reposição de peças recicladas com selo de qualidade, beneficia vários setores do país. Com a lei, a expectativa é de que os seguros de veículos fiquem mais baratos.
“Para o setor de seguros é uma lei extremamente importante, já que a redução do número de roubo de veículos vai trazer a redução no custo do seguro de automóvel novo, e vai permitir a criação do seguro de automóvel popular. Com a utilização de peças certificadas tanto de procedência, quanto de qualidade e segurança, vai se reduzir sensivelmente o custo de reprodução dos veículos avaliados”.
A sanção da Lei nº 12.977 foi publicada no Diário Oficial da União, nesta quarta-feira, 21 de maio, e entrará em vigor um ano após a publicação. Para o deputado, o número de roubo de carro vai cair cerca de 50% nos primeiros anos de vigência da lei.
Ainda segundo Vergilio, hoje milhare…

“Gestão de riscos: a capacidade de antecipar cenários”

Imagem
Há empresas em que o gestor faz um trabalho integrado, cuida de risco, fraude, compliance e segurança, olhando para todas as áreas da empresa, com uma visão geral de 360 graus. E esta é uma tendência. (Cristiane França Alves – Diretora Presidente da ABGR).
Um dos aspectos positivos da abertura do Resseguro foi a valorização do gestor de riscos que, em contrapartida, assumiu responsabilidades além de sua tarefa de identificar, analisar e tratar, e transferir os riscos. No rol de novos riscos que desafiam a atividade de gerenciamento, estão os regulatórios, os de imagem, o compliance, o do capital humano e outros imprevisíveis e incontroláveis, como climáticos e políticos. Cristiane França Alves, única mulher a presidir a Associação Brasileira de Gerência de Riscos (ABGR), diz que as novas atribuições dos gestores se resumem na visão 360 graus dos riscos. Advogada por formação, ela iniciou sua carreira em gerenciamento de riscos e seguros há mais de 20 anos, no Grupo Pirelli. Em 2003, se…

Saber Viver!!!

Imagem
Não sei... se a vida é curta ou longa demais para nós, mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.


Muitas vezes basta ser:

Braço que envolve, Palavra que conforta, Silêncio que respeita, Alegria que contagia...

E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido à vida.

É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira, pura... Enquanto durar.
Abraço fraterno.

Patricia Campos Tel: (31) 3463-2838 / 9675-5477 E-mail: seguros@patriciacamposcorretora.com.br Site: www.patriciacamposcorretora.com.br Blog: www.patriciacamposcorretora.blogspot.com

Susep divulga novo documento de orientação ao mercado

Imagem
A Susep disponibilizou novo documento de orientação ao mercado com o objetivo de estabelecer um padrão de classificação de eventos relacionados a sinistros ou a outras despesas operacionais, permitindo a comparabilidade entre as análises das companhias do mercado e das informações divulgadas no sítio eletrônico da Autarquia. O documento consolida as discussões realizadas no Grupo de Trabalho criado em outubro de 2013 no âmbito da Comissão Atuarial da Susep com representantes do mercado e da Autarquia.
Além disso, as demais orientações sobre provisões técnicas foram atualizadas, tendo sido incluído um documento adicional com um resumo das alterações recentes efetuadas nesses documentos de orientações.
Esses documentos estão disponibilizados na seção “Orientações de Normativos”.
Fonte: SusepAtt. Patricia Campos Tel: (31) 3463-2838 / 9675-5477 E-mail: seguros@patriciacamposcorretora.com.br Site: www.patriciacamposcorretora.com.br Blog: www.patriciacamposcorretora.blogspot.com

Viabilizar o desejo do consumidor de ter um plano de saúde é um dos propósitos da Susep

Imagem
Ter um plano de saúde é o terceiro item de desejo dos brasileiros, depois da casa própria e da educação, segundo pesquisa realizada pelo Datafolha, a pedido do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS). Mas, atualmente, apenas 25% da população brasileira possui seguro de saúde, número muito inferior à população economicamente ativa no país, em torno dos 60%.
“Existe o potencial de crescimento, mas no médio prazo o que deve ocorrer é o contrário porque infelizmente o aumento de custo é muito alto, de 15% ao ano. No ano passado, a variação foi de 16,4%”, disse Luiz Augusto Carneiro, superintendente-executivo do IESS, durante a apresentação dos resultados da pesquisa no final de 2013.
Mas se o custo é alto para os consumidores, também é oneroso para as operadoras de saúde. “A inflação dos custos da saúde é sempre maior que a inflação oficial”, disse o presidente da Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde), Marcio Coriolano, em evento para jornalistas em dezembro do ano pa…

Combate ao Seguro Pirata é obrigação da Susep, diz novo Superintendente

Imagem
Roberto Westenberger reconheceu que a dinâmica de atuação precisa passar por melhorias
O novo superintendente da Susep, Roberto Westenberger, disse que é obrigação da entidade combater o Seguro Pirata e as cooperativas ilegais que atuam no Brasil. A declaração foi dada durante o primeiro encontro do superintendente com os corretores do Clube dos Corretores de Seguros do Rio de Janeiro (CCSRJ), na úlitma quarta-feira, 14 de maio.
“A atuação da Susep sempre, e em 100% dos casos, será baseada na legalidade, com o cumprimento da Lei, seguindo as regras e normas que estão vigentes no mercado. Vamos coibir o que estiver contra a legislação. A dinâmica de atuação precisa passar por melhorias, conta com uma lentidão indesejada, que será corrigida ao longo da minha gestão”.
Segundo o presidente do CCSRJ, Jayme Torres, o Clube dos Corretores de Seguros repudia este tipo de atividade irregular.
“A gente se coloca a disposição para colaborar de alguma forma para combater esse grande câncer do mercado…

Adquira conosco seu Consórcio de Automóvel ou Imóvel

Está aberto o grupo de consórcio de automóvel A153 com créditos de
R$ 23.326,00 à R$ 46.420,00.

O cheque poderá ser para 30 dias da compra, limitado a 15/06/2014.


Consórcio de Automóvel
Quantidade de meses: 80 meses

Nº de participantes: 320 participantes
Taxa de Administração: 14,5%
Fundo de Reserva: 0,5%
Seguro: 0,035%


Att.
Patricia Campos Tel: (31) 3463-2838 / 9675-5477 E-mail: seguros@patriciacamposcorretora.com.br Site: www.patriciacamposcorretora.com.br Blog: www.patriciacamposcorretora.blogspot.com

6 fatos que vão fazê-lo mudar de ideia sobre seguros de vida

Imagem
Você é daqueles que acham seguro de vida dispensável? Então saiba que você pode precisar de um e nem sabe Os seguros de vida não são tão populares quanto os seguros de carros, mas podem tirar a sua família – ou até você mesmo – de um aperto em um momento dramático. Segundo especialistas em seguros, uma série de mitos ainda afastam o brasileiro desse tipo de produto, uma vez que é difícil, para a maioria das pessoas, planejar a tão longo prazo, lidar com a possibilidade da própria morte ou até mesmo mensurar os reais benefícios do seguro de vida. Durante o 5º Seminário IBCPF de Planejamento Financeiro, o empresário do ramo de corretagem de seguros, Nilton Pedreira, e a planejadora financeira certificada (CFP) Maristela Gorayb listaram algum fatos que quebram esses mitos. Veja a seguir: 1 O seguro de vida não é só para a morte O seguro de vida não é só para a morte – é também para a morte. Mas hoje em dia os seguros de vida podem oferecer inúmeras coberturas, muitas das quais possibilitam o …

Confira sete cuidados para não perder a indenização do seguro auto

Quem nunca soube de alguém que ficou na mão na hora de ser indenizado pelo seguro do carro? Seja por culpa do consumidor ou da seguradora, uma verba tão importante como essa pode virar tema de controvérsia depois de um sinistro. Se um dos lados estiver errado, é possível chegar a um acordo ou acionar a Justiça. Mas o que acontece muitas vezes é que a falta de informação ou o descumprimento do contrato comprometem a entrega da indenização quando o cliente mais precisa desse dinheiro. Luciano Cardoso, superintendente regional da AD Corretora de Seguros, apresenta os 7 cuidados principais que você ter ao lidar com o seguro do carro. Confira: 1. Não minta nem omita informações Se você mentir para o corretor de seguros ou a seguradora e houver divergência de informações na hora da entrega da indenização, é bem provável que ela seja negada e você não tenha nem o direito de recorrer da decisão. 2. Leia atentamente o manual do segurado Apesar de chato, é algo necessário. Leia o manual do seguro d…